Decoração reuso em apartamento no centro de SP

Making-of do nosso novo vídeo e de um projeto cheio de luz no icônico Edifício Planalto.

Era desejo antigo aqui no Buji fazermos um vídeo para explicar mais claramente o que significa dizer que decoramos usando muito dos objetos e móveis que o cliente já tem, e emprestando um novo e cuidadoso olhar para o espaço, sem ter que fazer grandes obras e quebra-quebra.

A oportunidade ideal para fazer o nosso vídeo apareceu agora em 2017:  ano em que completamos 4 anos de existência, começamos a fazer nossos projetos de decoração reuso em duas cidades diferentes ao mesmo tempo (São Paulo e Brasília), e nos propusemos a fazer um mergulho em nossas crenças pessoais sobre abundância e felicidade.

Esse Buji Sob Medida aconteceu no Edifício Planalto, projetado por Artacho Jurado, proprietário da Construtora e Imobiliária Monções S.A., que mesmo não sendo arquiteto foi responsável pela construção de diversos edifícios residenciais na cidade de São Paulo nas décadas de 40 e 50. Seus prédios refletem os sonhos hollywoodianos do pós-guerra em uma mistura de estilos e linguagens: o moderno, o nouveau, o déco e o clássico. Ou seja, é impossível passar despercebido pelas curvas e pelos detalhes do sexagenário Edifício Planalto.

Encontrando um equilíbrio entre o que o cliente tem e o que ele deseja ter

Esses 4 anos ouvindo as histórias dos clientes em seus espaços nos fez perceber que os motivos pelos quais um ambiente não se encontra pronto para morar ou trabalhar de modo confortável vão muito além da falta de dinheiro. São motivos como: a) não saber onde colocar e como dispôr os objetos que você traz consigo durante uma vida b) ter medo de errar na compra de novos objetos c) ter medo de ficar totalmente fora de moda mesmo quando “não se está nem ai pra modas e tendências”, mas na verdade tem um pouco de medo sim! E por aí vai…

Por isso fazemos uma visita inicial para mergulharmos no espaço, conhecermos o cliente e ouvirmos suas “dores”, histórias, desejos… Dessa forma a gente identifica as necessidades, para a partir disso pensarmos em soluções de decoração que resolvam de fato essas questões.

A decoração está nos detalhes. E são esses detalhes, essa história que você tem ali na sua casa, as lembranças, é que fazem aquele lugar ser único e ser o seu lar.

Montando e decorando o ambiente enquanto o cliente não está em casa

Outra coisa que a gente sempre tem que explicar no Buji é o significado de entregamos o ambiente TOTALMENTE montado, decorado e organizado. Para que o cliente vivencie plenamente a sensação de estar num espaço decorado com simplicidade, organização e cuidado aos detalhes que realmente nos fazem feliz em um ambiente. Dessa vez a gente chegou no maior estilo “programa de tv”, já que o querido Andre Seitsugo, da Polêmica Vídeos,  tava ali acompanhando cada detalhe, sem produção e cheio de verdade, pra fazer o nosso tão sonhado vídeo de divulgação.

Trabalhar com o que o cliente já tem no espaço nos abre uma série de possibilidades. E o contato com o que os objetos e móveis trazem de história nos abriu os olhos, a mente e o coração para os benefícios energéticos que os destralhes e o resgate das próprias escolhas trazem à decoração. Além disso, existe na mesma medida um lado prático inquestionável: não ter que quebrar e ser pontual nos investimentos e prazos faz com que a decoração se torne mais acessível e o processo se torne mais ágil. Tanto é que nossos projetos costumam ficar prontos em no máximo 3 meses e a finalização acontece em 1 ou 2 dias.

Muitas vezes um novo olhar cuidadoso e uma série de soluções simples como: organização, desapego de itens que não são utilizados, reparos de pequenos detalhes que parecem bobos mas são tão essenciais – mas que a gente deixa pra depois – assim como boas orientações de disposição de móveis e objetos e escolha certeira de pintura e iluminação operam milagres. E é por isso que a gente gosta de tirar o cliente de casa, montar e entregar uma casa nova feita das coisas que já estavam ali. Um pequeno empurrão para que quem vive ou trabalha nesse espaço sempre se lembre que viver em paz e felicidade com o lar não pode ser um sonho distante, e sim um objetivo que se realiza constantemente. Saiba mais sobre nossos serviços clicando aqui. Veja como ficou esse projeto clicando aqui. Assista o vídeo que originou toda essa história.

Amor e gratidão: São Paulo, cidade que abraçou os sonhos dessas duas brasilienses até aqui. André Seitsugo, Polêmica Vídeos. Wans Spiess, Planalto 507. Sara Ribeiro e Sérgio Geraldo, por executarem com o coração na ponta dos dedos.

Fotos: arquivo pessoal